Category: Classical

Vamos Os Dois Para A Farra - Amalia Rodrigues* - Tudo Esta E Fado (CD)

Updated: 10.09.2019 — 16:05

8 Comments

Add a Comment
  1. Letras de músicas - letra de música - letra da música - letras e cifras - letras traduzidas - letra traduzida - lyrics - paroles - lyric - canciones - GAIVOTA - AMáLIA RODRIGUES - música e letra. Utilize o abecedário abaixo para abrir as páginas de letras dos artistas.
  2. Promo Sound Ltd., made in Italy. Barcode and Other Identifiers Barcode (Scanned): ; Barcode (Text): 5
  3. Amália da Piedade Rodrigues Lisboa, nasceu em 23 de Julho ou 1 de Julho de — Lisboa, faleceu em 6 de Outubro de Foi uma fadista, cantora e actriz portuguesa, considerada o exemplo máximo do fado, comummente aclamada.
  4. Amália Encores () Foi Deus, Fado dos Fados, Alamares, Libertação, Minha Canção é Saudade, Não é Desgraça Ser Pobre, Novo Fado da Severa, Amantes Separados Amalia Rodrigues () Amor Sou Tua, Sangue Toureiro, E Pecado, Um so Amor, Gritenne Piedras del Campo, Mirita Bonita, Aïe Mourir pour Toi, Paris s'eveille la Nuit, Le Fado de Paris, La Femme du Berger, Don Triqui Traque, Tu.
  5. Esta antologia distribuída por 4 CD´S com um acervo no total de temas que vão desde 19foi revista e "atualizada" é a ideal para dar a conhecer o que era musicalmente Amália na década de ALINHAMENTO CD 1 Fado Lisboeta. Ai Mouraria. Que Deus Me Perdoe. Lá porque tens cinco pedras. Menina Lisboa.
  6. Vamos os dois para a farra, Passar o dia na estroina! Eu, um saiote de barra, E tu, a cinta e a boina! Os meus vestidos discretos, Acho que os não devo pôr, Bastam-me os teus olhos pretos Que nunca mudam de cor! Vou cantar um outro fado E vais gostar de me ouvir! Hoje não quero pensar, Hoje apetece-me rir! Pra não fugir ao costume Se os meus fados e motejos Te provocarem ciúme, Tapas .
  7. Vamos os Dois Para a Farra Lyrics: Vamos os dois para a farra / Passar o dia na estroina! / Vamos os dois para a farra / Passar o dia na estroina! / Eu, um saiote de barra / E tu, a cinta e a boina!
  8. Vamos os dois para a farra, Passar o dia na estroina! Eu, um saiote de barra, E tu, a cinta e a boina! Os meus vestidos discretos, Acho que os não devo pôr, Bastam-me os teus olhos pretos Que nunca mudam de cor! Vou cantar um outro fado E vais gostar de me ouvir! Hoje não quero pensar, Hoje apetece-me rir! Pra não fugir ao costume Se os.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *